27
set

Drogas legalizadas são as que mais atingem a população brasileira

Publicado em Artigos

Drogas legalizadas são as que mais atingem a população brasileira

Os problemas relacionados às drogas não são atuais, mas sim a atenção dada a essa questão no Brasil, afirma o médico Luiz Alberto Chaves de Oliveira, diretor da Coordenadoria de Atenção às Drogas da Cidade de São Paulo (CDR) e especialista na prevenção e tratamento de dependência química. Segundo ele, há sete anos não são realizadas pesquisas epidemiológicas de ordem geral no país. A primeira e última realizada datam de 2001 e 2005 e, desde então, só existiram pesquisas específicas de um grupo ou de uma comunidade.

Sobre a questão, “o grande problema do Brasil, diferente do que muitos pensam, são as drogas legalizadas. São o álcool, o tabaco e os medicamentos, e isso é o que a epidemiologia nos aponta”, afirmou Oliveira. Segundo ele, ao se escolher prioridades na atuação política, é preciso levar em consideração o que mais atinge a população e aquilo que mais impacta na qualidade de vida.

Entre as situações estudadas, o médico afirma que o álcool, por exemplo, é responsável por 50% da violência doméstica. Sobre a bebida, Oliveira diz que além da questão cultural quanto ao seu uso, existe uma forte propaganda no Brasil, um “chamamento para o consumo”, em suas palavras. Ainda considera que em 80% dos casos de dependência química, a atenção ambulatorial ao dependente é mais adequada do que a sua internação.

Fonte: Rede Brasil Atual

Open chat
1
Olá! Problemas com drogas ou álcool? Vamos lhe ajudar!